Caixa de texto:   fastsite/full      -       Power  &  Anoint       -        1990   /   2018      -       SFS   winner

Sala de

ESTUDOS

...entre...

Selecionados

Riquíssimos

Núcleo  de  estudos 

Pré-Tribulacionistas

Perdi meu pai, perdi minha mãe e perdi minha irmãzinha

 

Leia este impressionante testemunho de um jovem de 15 anos

Arquivo em Word 4 páginas...

Clik aqui...

(procuro colaborador para

editar este folheto)

Blessed brothers. I spoke to the brothers about the struggle and persecution. Urged to take the site the videos yourself encouraged me to put on the site. Very well. It was necessary to take, as I advised, otherwise there would be reprisals if they can be said. I apologize, but soon put other edifying video. Stay in blessing. Soon I will be in these parts. In face to face. In blessing.

51 Artigos sobre o Pacto

São artigos riquíssimos em PDF para Mestres, Pastores seminaristas, estudiosos e os que  amam  as escrituras.

CLIK AQUI

Dicionário Geográfico de Lugares Bíblicos Pdf    Click aqui

 

Lugar seguro Riquíssimo estudo Click aqui

 

LUZ e SAL Estudo abençoado   Clik aqui

 

 

 UM ESTUDO SOBRE A FORMAÇÃO DA HINÓDIA PROTESTANTE BRASILEIRA

Jacqueline Ziroldo Dolghie

(riquíssimo)

Click aqui

· Água  ou  coca ?

· Comida KOSHER

(alimentação judaica)

· Doce Limão

· GENGIBRE

· MEL

· Suco Verde

Conheça CORINTO

Click  aqui

Conheça  PATMOS

Click  aqui

Raquel Emerick

click aqui

lagoinha@prsilvio.com.br

Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra.

Apocalipse 3.10

KOSHER

 

CLIK AQUI

Para quem me conhece: Os 4 livros por...R$ 20,00  -  abencoado@prsilvio.com.br

Israel

Jerusalém

Muro das Lamentações

Ao vivo. Cick na imagem

Apostilas

Bastão Selfie

R$ 18,00

(31 no estoque)

Peça aqui

Israel@prsilvio.com.br

MISSÕES

HOMILÉTICA

(Tema para estudo)

O Temor do Senhor
O temor do Senhor, produz confiança e obediência.

Havia temor na igreja primitiva

E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações. Em cada alma havia temor, e muitas maravilhas e sinais se faziam pelos apóstolos. - Atos 2.42 e 43
O temor respeitoso continuava imperando e acompanhando os sinais e as maravilhas que continuavam aparecendo através dos apóstolos. As duas coisas corriam juntas ? quanto mais maravilhas, maior era o temor.

Vivendo no temor do Senhor, cresciam

A igreja passava por um período de paz em toda a Judéia, Galiléia e Samaria. Ela se edificava e, encorajada pelo Espírito Santo, crescia em número, vivendo no temor do Senhor. - Atos 9.31  Lucas enfatiza a fórmula ?temer a Deus? tanto no seu evangelho (ver Lc. 1.50, 18.2; 23.40) como em Atos. São os tementes a Deus (os gentios que abraçaram a fé judaica) que formam a base inicial da obra missionária aos gentios no cap. 10 (10.2,22,35; 13.16,26). O temor do Senhor produz confiança e obediência, bem como o afastar-se do mal (Jó 28.28; Sl. 111.10; Pv. 1.7; isso, por sua vez, resulta na ?consolação do Espírito Santo? (v.31).

O temor do Senhor é o princípio da sabedoria

O temor do Senhor é o princípio da sabedoria; todos os que cumprem os seus preceitos revelam bom senso. Ele será louvado para sempre! - Salmos 111.10 Temor é na verdade sinônimo de reverência ou adoração, o que faz supor que a sabedoria começa quando reconhecemos devidamente quem Deus é e lhe prestamos a adoração que merece. Faz-nos lembrar que descobrimos a verdadeira relevância da vida ao nos aproximar de Deus numa atitude de humildade e de reverente temor, não com pavor e sobressalto. 

O temor do Senhor é odiar o pecado

O temor do Senhor é aborrecer o mal; a soberba, e a arrogância, e o mau caminho, e a boca perversa aborreço. - Provérbios 8.13 O temor a Deus deve levar o crente a afastar-se do mal (16.6) e abominar o pecado, o qual desagrada a Deus e destrói, tanto a nós, como aqueles a quem amamos.

No temor do Senhor há recompensa

A recompensa da humildade e do temor do SENHOR são a riqueza, a honra e a vida. Provérbios 22.4 O homem humilde, que ?teme o Senhor? (o lema do livro;ver prov.1. 7), será abençoado por Ele, material e espiritualmente. ?A recompensa pela humildade e pelo temor do Senhor é a riqueza e a honra. - Aqueles que permanecerem fiéis a Deus receberão essas bençãos no tempo determinado por Ele. Todo o povo de Deus estará entre aqueles que ?herdarão a terra? (Mt.5.5). Já aqui, os pobres de Deus são considerados ricos nos bens e honras espirituais (Ap.2.9). 

No temor do Senhor há confiança

No temor do Senhor, há firme confiança, e ele será um refúgio para seus filhos.  Provérbios 14.26 O homem que teme ao Senhor tem forte confiança. O homem que teme ao Senhor tem confiança em seu forte amparo. ? Confiantes que Ele os ama e se deleita neles; que Seus olhos estão fixos sobre eles; e que o Seu coração está voltado para eles, suprirá cada uma de suas necessidades e os protegerá e defenderá.

O temor do Senhor prolonga a vida

O temor do Senhor prolonga a vida, mas a vida do ímpio é abreviada. Provérbios 10.27 Esse provérbio não oferece aos justos imunidade contra a hipótese de morte precoce. Nem é garantia de que os perversos sempre morrerão cedo. Aqui, estão delineados princípios gerais da vida: se levarmos vida justa, podemos evitar muitas ações tolas que causariam a nossa morte antes do tempo. Em contrapartida, se seguirmos os caminhos de Deus, em geral teremos vida mais feliz, saudável e longa.

No temor do Senhor nada falta

Temam o Senhor, vocês que são os seus santos , pois nada falta aos que o temem. - Salmos 34.9 Note que as promessas deste salmo são condicionais, e reservadas somente a quem de fato teme ao Senhor. Deus promete nos livrar do medo (v4), nos salvar nas crises (v.6,17), pôr anjos ao nosso redor (v.7), suprir as nossas necessidades (v.9), dar-nos vida abundante (v.12), ouvir nossas orações (.15), confortar-nos com a sua presença (v.18), e livrar nossa alma (v.22) ? mas somente se buscarmos ao Senhor (vv.4,10), clamarmos a Ele (v.6), guardarmos nossa língua do mal da mentira (v.13), fizermos o bem e proclamarmos a paz (v.14), tivermos um coração contrito (v.18) e formos seus servos (v.22). 

No temor do Senhor a santidade é aperfeiçoada

Amados, visto que temos essas promessas, purifiquemo-nos de tudo o que contamina o corpo e o espírito, aperfeiçoando a santidade no temor de Deus. - II Coríntios 7.1 Paulo afirma com toda clareza que não podemos reivindicar as promessas maravilhosas e graciosas de Deus alistadas em 6.16 a 18, sem uma vida de separação e santidade. Este fato explica por que alguns perderam sua alegria cristã (Jo. 15.11), sua proteção divina Jo. 17.12,14,15), resposta às orações Jo. 15.7,16) e o senso da presença paternal de Deus (Jo.14.21,23). Uma vida de parceria com o mundo significa perder a presença e as promessas de Deus.

A conclusão é: andar no temor do Senhor.

“E, se invocais por Pai aquele que, sem acepção de pessoas, julga segundo a obra de cada um, andai em temor, durante o tempo da vossa peregrinação” I Pedro 1.17

Alimentando as Ovelhas ou Divertindo os Bodes?

 

Existe um mal entre os que professam pertencer aos arraiais de Cristo, um mal tão grosseiro em sua imprudência, que a maioria dos que possuem pouca visão espiritual dificilmente deixará de perceber. Durante as últimas décadas, esse mal tem se desenvolvido em proporções anormais. Tem agido como o fermento, até que toda a massa fique levedada. O diabo raramente criou algo mais perspicaz do que sugerir à igreja que sua missão consiste em prover entretenimento para as pessoas, tendo em vista ganhá-las para Cristo. A igreja abandonou a pregação ousada, como a dos puritanos; em seguida, ela gradualmente amenizou seu testemunho; depois, passou a aceitar e justificar as frivolidades que estavam em voga no mundo, e no passo seguinte, começou a tolerá-las em suas fronteiras; agora, a igreja as adotou sob o pretexto de ganhar as multidões.

 

Minha primeira contenção é esta: as Escrituras não afirmam, em nenhuma de suas passagens, que prover entretenimento para as pessoas é uma função da igreja. Se esta é uma obra cristã, por que o Senhor Jesus não falou sobre ela? “Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura” (Mc 16.15) — isso é bastante claro. Se Ele tivesse acrescentado: “E oferecei entretenimento para aqueles que não gostam do evangelho”, assim teria acontecido. No entanto, tais palavras não se encontram na Bíblia. Sequer ocorreram à mente do Senhor Jesus. E mais: “Ele mesmo concedeu uns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas e outros para pastores e mestres” (Ef 4.11). Onde aparecem nesse versículo os que providenciariam entretenimento? O Espírito Santo silenciou a respeito deles. Os profetas foram perseguidos porque divertiam as pessoas ou porque recusavam-se a fazê-lo? Os concertos de música não têm um rol de mártires.

 

Novamente, prover entretenimento está em direto antagonismo ao ensino e à vida de Cristo e de seus apóstolos. Qual era a atitude da igreja em relação ao mundo? “Vós sois o sal”, não o “docinho”, algo que o mundo desprezará. Pungente e curta foi a afirmação de nosso Senhor: “Deixa aos mortos o sepultar os seus próprios mortos” (Lc 9.60). Ele estava falando com terrível seriedade!

Se Cristo houvesse introduzido mais elementos brilhantes e agradáveis em seu ministério, teria sido mais popular em seus resultados, porque seus ensinos eram perscrutadores. Não O vejo dizendo: “Pedro, vá atrás do povo e diga-lhe que teremos um culto diferente amanhã, algo atraente e breve, com pouca pregação. Teremos uma noite agradável para as pessoas. Diga-lhes que com certeza realizaremos esse tipo de culto. Vá logo, Pedro, temos de ganhar as pessoas de alguma maneira!” Jesus teve compaixão dos pecadores, lamentou e chorou por eles, mas nunca procurou diverti-los. Em vão, pesquisaremos as cartas do Novo Testamento a fim de encontrar qualquer indício de um evangelho de entretenimento. A mensagem das cartas é: “Retirai-vos, separai-vos e purificai-vos!” Qualquer coisa que tinha a aparência de brincadeira evidentemente foi deixado fora das cartas.

 

Os apóstolos tinham confiança irrestrita no evangelho e não utilizavam outros instrumentos. Depois que Pedro e João foram encarcerados por pregarem o evangelho, a igreja se reuniu para orar, mas não suplicaram: “Senhor, concede aos teus servos que, por meio do prudente e discriminado uso da recreação legítima, mostremos a essas pessoas quão felizes nós somos”. Eles não pararam de pregar a Cristo, por isso não tinham tempo para arranjar entretenimento para seus ouvintes. Espalhados por causa da perseguição, foram a muitos lugares pregando o evangelho. Eles “transtornaram o mundo”. Essa é a única diferença! Senhor, limpe a igreja de todo o lixo e baboseira que o diabo impôs sobre ela e traga-nos de volta aos métodos dos apóstolos.

 

Por último, a missão de prover entretenimento falha em conseguir os resultados desejados. Causa danos entre os novos convertidos. Permitam que falem os negligentes e zombadores, que foram alcançados por um evangelho parcial; que falem os cansados e oprimidos que buscaram paz através de um concerto musical. Levante-se e fale o alcoólatra para quem o entretenimento na forma de drama foi um elo no processo de sua conversão! A resposta é óbvia: a missão de prover entretenimento não produz convertidos verdadeiros. A necessidade atual para o ministro do evangelho é uma instrução bíblica fiel, bem como ardente espiritualidade; uma resulta da outra, assim como o fruto procede da raiz. A necessidade de nossa época é a doutrina bíblica, entendida e experimentada de tal modo, que produz devoção verdadeira no íntimo dos convertidos.

Piano  JHoelzl   -   raridade.  p/colecionador  -  R$ 4.500,00

Israel@prsilvio.com.br

DISCERNIMENTO

A diferença entre o trigo e o joio...

O trigo se curva, ou seja, se submete ao sopro do Espírito.

O joio tem o talo endurecido ou seja, “dura cerviz”.

Não se submete, principalmente...não aceita ordenanças.

Quem são os culpados pela semeadura do joio...?

Jesus disse:

“enquanto os homens dormiam, veio o inimigo e fez isto...(semeou o joio)”

Mateus 13.25

 

Que despertem os pastores desta letargia ministerial.

Parem de divertir bodes, e alimentem as ovelhas...fortalecendo-as na fé genuína. Aguardando a manifestação daquele que certamente virá e não demora.

 

UFA...!

FITOTERAPIA

BÍBLICA

PLANTAS

MEDICINAIS:

 HISTÓRIA,

 TRADIÇÃO

 E ATUALIDADE

 

Riquíssimo documento

Em .pdf 

86 páginas

Click aqui.

Caixa de texto: OFERTA
BRADESCO
AG 2610
C/C 0001340-4